13 de set de 2014

Mude o rumo da sua própria história

Sabe aqueles dias em que você para pra pensar no que está fazendo? Confesso que isso é um pouco assustador, pois nem sempre estamos prontos pra encarar os nossos próprios erros e acertos, a gente sempre tenta esconder a mágoa por trás de um sorriso, tenta fugir dos problemas sabendo que isso não vai adiantar se não encara-los, se esconde por trás de um eu que não existe.
É como se você estivesse perdido tentando encontrar o seu caminho..."Sou como uma maré, calma, inquieta, tudo depende do seu tempo e do rumo a ser seguido." Tainã Almeida. É incrível o quanto este verso me descreve, o tempo me ensinou que certas memórias jamais serão apagadas mas serviram para não cometer os mesmos erros no futuro, o tempo é meu aprendizado.
Aqui fica um conselho, não adianta se prender ao ontem, viva o agora, planeje, colecione sonhos e vá em busca da realização de cada um deles, prove pra si mesmo, que você é capaz, mude o rumo da sua própria história.

Tainã Almeida.

3 comentários:

Anônimo disse...

Gostei Muito Da Frase , Algumas Vezes Fico Pensando Como Seria Se A Gente Pudesse Voar Ou Coisa Igual

António Jesus Batalha disse...

Estive a ver e ler algumas coisas, não li muito, porque espero voltar mais algumas vezes, mas deu para ver a sua dedicação e sempre a prendemos ao ler blogs como o seu.
Gostei de tudo o que vi e li.
Vim também desejar muita paz,saúde e grandes vitórias.
São os votos do Peregrino E Servo.
Abraço.

Fernandinho Garcy disse...

@Fernandinholy, tudo le foi imprecionante e me motivou a seguir a aprendera trialiar o meu proprio caminho!